Oferta menor na Ásia faz preços do açúcar subirem.

February 6, 2017

De acordo com uma matéria veiculada no jornal Valor Econômico de hoje (19), o mercado Asiático tem sustentado os preços do açúcar nas bolsas externas. Isso porque, a Índia e a Tailândia, segundo e terceiro maiores produtores da commodity, respectivamente, tem ficado abaixo da produção esperada para o período.

Na sessão de Nova York ontem (18), o vencimento março/17 subiu 25 pontos, com negócios firmados a 20,98 centavos de dólar por libra-peso. A tela maio/17 também subiu 25 pontos, com a commodity comercializada a 20,80 centavos de dólar por libra-peso. O vencimento agosto/17 subiu 16 pontos.

Em Londres não foi diferente. A bolsa registrou alta dos preços do açúcar em todos os vencimentos. Na tela maio/17, os negócios foram firmados em US$ 542,50 a tonelada, valorização de 4,10 dólares no comparativo com os preços de quarta-feira. No lote maio/17, a commodity foi vendida a US$ 544,70, alta de 3,80 dólares. O vencimento agosto/17 subiu 3,60 dólares.

Mercado interno

Após três sessões seguidas em baixa, os preços do açúcar tiveram uma ligeira alta no mercado doméstico nesta quarta-feira (18), conforme os índices do Cepea/Esalq, da USP. A saca de 50 quilos do tipo cristal foi negociada a R$ 88,20, valorização de 0,12% no comparativo com a véspera.

Etanol diário

Já os preços do etanol, por sua vez, continuam em baixa, conforme apurado pela Esalq/BVMF. Os negócios foram firmados em R$ 1.867,50 o metro cúbico, recuo de 0,11% no comparativo com o dia anterior.

 

 

 

Fonte: Agência UDOP de Notícias

Please reload

Encontrou algum problema no site? Nos explique melhor aqui.