Gangorra: preços do açúcar voltam a cair no mercado externo

 

 

Após registrar alta nos contratos futuros na última terça-feira, o açúcar sofreu queda nos preços na sessão realizada nesta quarta-feira (28), na bolsa de Nova York. No vencimento maio/18, a commodity foi comercializada a 12.21 centavos de dólar por libra-peso, retração de 33 pontos. Na tela julho/18, a desvalorização foi de 32 pontos, com contratos firmados em 12.34 centavos de dólar por libra-peso. Os demais preços caíram entre quatro e 28 pontos.

 

Em Londres, a sessão na bolsa também fechou com desvalorização. No lote maio/18, a commodity registrou queda de 8,10 dólares, com negócios fechados em US$ 347,80 a tonelada. No vencimento agosto/18, os preços foram firmados em US$ 339,60 a tonelada, baixa de 7,30 dólares. Os demais contratos caíram entre 2,10 e 5,60 dólares.

 

Mercado interno

 

Segundo o indicador do Cepea/Esalq, da USP, no Brasil, os preços do açúcar fecharam em alta nesta quarta-feira (28). A saca de 50 quilos do tipo cristal foi vendida a R$ 53,12, alta de 1,51% no comparativo com o dia anterior.

 

Etanol hidratado

 

O etanol hidratado, vendido pelas usinas paulistas, foi comercializado a R$ 1.858,00 o metro cúbico, retração de 1,59%, em relação aos preços praticados na véspera.

Please reload

Encontrou algum problema no site? Nos explique melhor aqui.