Milho: Mercado testa tímida reação na manhã desta 2ª na CBOT, mas foco segue na safra dos EUA

April 23, 2018

 

As principais posições do milho negociadas na Bolsa de Chicago (CBOT) iniciaram a semana com ligeiras altas. Os vencimentos do cereal testavam ganhos entre 1,75 e 2,00 pontos, por volta das 8h12 (horário de Brasília). O maio/18 era cotado a US$ 3,78 por bushel e o julho/18 trabalhava a US$ 3,87 por bushel. Já o setembro/18 era negociado a US$ 3,95 por bushel.

 

De acordo com informações das agências internacionais, os preços da commodity testavam uma ligeira reação depois das perdas recentes. Embora o clima nos Estados Unidos dê sinais de melhora no Meio-Oeste, ainda conforme dados dos sites internacionais.

 

Ao Agrimoney.com, o Commodity Weather Group disse que "temos uma perspectiva combinada de aquecimento das temperaturas no período de seis a quinze dias e algumas chuvas no Meio-Oeste americano".

 

As expectativas dos investidores é de que o plantio do cereal nos EUA esteja concluído entre 6% a 8% da área projetada para essa temporada. Na semana anterior, o índice estava em 3% e a média para o período é de 18%.

 

Ainda hoje, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) reporta seu novo boletim de embarques semanais. O número é um importante indicador de demanda e pode influenciar o andamento das negociações.

Please reload

Encontrou algum problema no site? Nos explique melhor aqui.