Com menor aquisição do Brasil, EUA reduzem exportações de etanol

September 20, 2018

Safra mais alcooleira no Brasil vem reduzindo importações do produto norte-americano

 

As exportações de etanol dos Estados Unidos estiveram menores em julho, quando foram enviados ao mercado externo 405.959 m³, volume abaixo dos 580.136 m³ exportados em junho. Principal comprador do produto norte-americano, com a aquisição de 1,381 bilhão de litros nos últimos sete meses, o Brasil vem reduzindo a importação do biocombustível.

De acordo com a DATAGRO Consultoria, além do Brasil, Filipinas, Índia e Holanda também foram responsáveis pela menor importação do etanol norte-americano. Juntos, esses quatro países absorveram 226.501 m³ em julho, contra 352.155 m³ adquiridos em junho, queda de 35,7%.

 

No caso do Brasil, o recuo nas importações é explicado pela baixa no preço do etanol no mercado interno, impulsionado pelo mix de produção mais alcooleiro na região Centro-Sul, onde a produção registrou alta de 37,3% somente na segunda quinzena de agosto.

 

Os EUA também importaram menos etanol. Entre janeiro e julho, as aquisições somaram 499.535 m³, ante 535.675 m³ importados em mesmo período do ano passado. Nesse cenário, o Brasil se destaca como principal exportador de etanol para os norte-americanos, com 81,11% do total.

Please reload

Encontrou algum problema no site? Nos explique melhor aqui.