Açúcar: contratos fecham mistos em Nova York e Londres

Os preços do açúcar fecharam sem tendência definida nas bolsas internacionais na última sexta-feira (14). Na bolsa de Nova York, os contratos para julho/19 fecharam em 12.75 centavos de dólar por libra-peso, mesmo valor da véspera. O vencimento para outubro/19 registrou valorização de 1 ponto, com negócios firmados em 12.92 centavos de dólar por libra-peso.

 Para o diretor da Archer Consulting, Arnaldo Luiz Corrêa, a valorização do etanol de milho no mercado internacional abre espaço para a exportação do etanol brasileiro e, por consequência, haverá menos açúcar disponível lá fora. "Aos poucos, o mercado físico de açúcar se antecipa à situação de provável disponibilidade reduzida e reflete na negociação do spread entre os vencimentos julho e outubro na bolsa de NY, que já estreitou de maneira bastante robusta durante a semana."

 

Em Londres, no vencimento agosto/19, a commodity desvalorizou 70 cents dólar e fechou em US$ 335,00 a tonelada. A tela para outubro/19 foi negociada a US$ 343,00 a tonelada, queda de 1,10 dólares. Os demais contratos valorizaram entre 10 e 50 cens de dólar.

 

São Paulo

No Brasil, na última sexta-feira, a saca de 50 kg do tipo açúcar cristal, permaneceu no mesmo valor da véspera, em R$ 62,42, pelo índice medido pelo Cepea/Esalq, da USP.

 

Rafaela Giomo

Please reload

Encontrou algum problema no site? Nos explique melhor aqui.